Língua pálida pode ser sintoma de anemia: entenda melhor a relação

Quando falamos de saúde bucal, é vital salientar que todos os tecidos da boca são importantes para identificar problemas e patologias que podem estar acontecendo. Dessa forma, é necessário se atentar aos sinais e sintomas, como por exemplo a língua pálida.

Isso porque, uma língua saudável vai apresentar uma coloração avermelhada. Dessa maneira, a perda dessa cor por palidez ou até mesmo uma placa branca por cima dela deve ser um sinal de alerta para qualquer um. 

Em suma, essas características significam algum tipo de sintoma que pode estar relacionado com alguma patologia bucal ou até mesmo com a anemia. 

Desse modo, confira a seguir tudo o que você precisa saber sobre língua pálida para ficar de olho em possíveis alterações da normalidade em sua boca.

Como identificar se existe relação com a anemia?

Quando o assunto é identificar sintomas, sejam em pacientes que possuem dentes naturais ou aqueles que obtêm implante de dente, o segredo é a observação. 

Dessa forma, a primeira coisa que muda na língua é sua coloração. Isso porque, a falta da cor mais rosada e vermelha pode significar várias causas, como o acúmulo de sujeira, bem como o excesso de bactérias, que podem acabar provocando outras patologias bucais. 

Entretanto, quando a coloração da língua é causada pelo acúmulo de alimentos e bactérias, geralmente, uma boa escovação, assim como uma rotina de limpeza e até mesmo a raspagem da língua acabam sendo suficientes para que ela volte ao normal. 

Desse jeito, ao perceber que após esses procedimentos, a sua língua continua com um aspecto de palidez, é importante buscar por um dentista, que pode ser em uma clínica que você já está habituado a ir ou que fez a cotação de um clareamento dental preço.

Isso porque, uma língua pálida e lisa pode ser causada por anemia pela deficiência de ferro ou por anemia perniciosa, que é causada pela falta de vitamina B12.

Além da anemia, quais outros problemas podem estar relacionados?

Mesmo que a palidez da língua possa ser um sintoma de uma possível anemia, ainda sim é necessário a avaliação de um dentista, assim como a solicitação de exames complementares, como o de sangue. 

Isso porque, além da anemia, existem outras patologias que podem causar a flacidez na língua, como por exemplo:

  • Falta de limpeza na língua;
  • Problemas digestivos;
  • Diabetes mellitus;
  • Mononucleose infecciosa;
  • Candidíase bucal;
  • Uso de remédios que diminuam o fluxo salivar.

Desse modo, se você percebeu que sua língua não está normal, principalmente se você utiliza um aparelho dentário invisível, procure um dentista para uma avaliação concreta de todos os sintomas para que de fato seja possível tratar a causa.

Como tratar a língua branca?

O tratamento da língua pálida vai depender de acordo com a causa. 

Ou seja, se a língua pálida for causada por causa de um possível quadro de anemia, será necessário tratar essa anemia, que geralmente envolve tomar remédios que contenham ferro e a vitamina B12.

Entretanto, para ter certeza do melhor tratamento e da melhor maneira de lidar com essa questão ou com qualquer patologia que possa surgir na boca, seja ela com dentes naturais ou com implante dentário, é preciso a avaliação de um profissional dentista. 

Isso porque, somente esse profissional será capaz de avaliar todas as características do caso, bem como suas peculiaridades e assim, avaliar o quadro para dar um diagnóstico, que normalmente será comprovado somente após a realização de testes e exames. 

Quando é necessário ir ao médico?

Em caso de sintomas, é preciso ir ao médico imediatamente. Isso porque, quando uma patologia é descoberta, seja ela na boca ou em qualquer parte do corpo, quanto mais no início ela estiver, mais fácil e assertivo será o tratamento e a recuperação. 

Entretanto, não é preciso esperar um sintoma para fazer uma visita ao dentista ou ao médico clínico geral. 

Assim, quando se trata do clínico geral, o indicado é ir fazer uma visita pelo menos uma vez ao ano para fazer um check-up.

Já em relação ao dentista, é necessário fazer avaliações a cada 6 meses para checar se está tudo dentro dos conformes. 

Além disso, a cada 6 meses, é possível fazer uma limpeza em um consultório clínico dental, que é uma mais completa, capaz de tirar impurezas que a escova pode não alcançar. 

Além da limpeza, é possível realizar um clareamento. Para isso, basta pesquisar sobre clareamento dental antes e depois.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

About EF News

A EF NEWS traz para você os melhores conteúdos da internet. Seja bem-vindo e desfrute de pautas especialmente separadas para você. Portal de conteúdos atualizado diariamente, acesse https://entrelacosdefamilias.com.br
View all posts by EF News →

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

um × quatro =